Queda de Cabelo Calvicie

Queda De Cabelo Calvicie

Difícil encontrar quem não sofra ou já tenha sofrido com a queda de cabelo. No momento de lavar ou pentear, é normal que isso aconteça. Em média, cada pessoa perde cerca de 100 fios por dia. Mas quando essa quantidade aumenta, é preciso buscar ajuda, pois pode haver algum problema.

queda-de-cabelo-005
queda-de-cabelo-005

O cabelo passa por três fases. Primeiro é a fase do crescimento, a anágena, que dura de três a cinco anos.

A segunda fase se chama catagena – é quando os fios param de crescer e o normal é durar três semanas.

A terceira fase é a telógena, ou a fase de queda dos fios. Repare no seu cabelo quando ele cair.

Se o branquinho na ponta do fio cair junto, é sinal de que o ciclo do cabelo não foi completado.

Muita gente acha que a pontinha branca é a raiz, mas não é. É a mucina, que prende o cabelo no folículo.

Veja também Imobiliaria em Diadema

Calvicie o que é?

calvície também conhecida como alopecia (termo médico) é caracterizada pela redução parcial ou total de cabelos, ou a ausência de pêlos em uma determinada área da pele. A calvície é geralmente mais perceptível no couro cabeludo, mas pode ocorrer em qualquer parte do corpo que haja pelos. O termo alopecia deriva do grego “alopex” que significa raposa (Este animal apresenta com frequência queda de pêlos).

Existem vários tipos de calvície ocasionada por diferentes motivos. A maioria das pessoas perde entre 50 a 100 fios de cabelos por dia, o que é normal. Sempre que um fio cai, ele é substituído por outro no mesmo folículo, dando início a um novo ciclo de crescimento.

Porém, com o passar da idade, principalmente na velhice o crescimento dos cabelos tende a ser mais lento e até mesmo parar, o que resulta em calvície. Outros fatores como mudança hormonal, dieta, medicamentos, estresse, hereditariedade, gravidez, cuidados impróprios com os cabelos e certas doenças podem causar a queda de cabelo.

A calvície é mais comum em homens do que em mulheres. Uma das principais causas da calvície nos homens é quando o hormônio masculino testosterona é convertido para dihidrotestosterona (DHT).

Este age no folículo capilar reduzindo a produção de cabelo e produzindo fios mais finos e mais fracos, contribuindo para que a produção nos folículos cesse.  A denominação deste tipo de calvície é alopecia androgenética ou calvície de padrão masculino.

Não só por questões hormonais, como também a condição hereditária, contribuem para o aparecimento deste tipo de calvície, caracterizada pela queda de cabelo nas áreas frontais e na coroa do couro cabeludo.

 

O que Causa a Calvicie

A calvície, cientificamente denominada Alopécia, é a redução parcial ou total de cabelos que pode ocorrer em ambos os sexos. Os primeiros sinais de calvície são o afinamento dos fios, ou a substituição dos fios por fios cada vez mais finos e menores até a interrupção do crescimento.

A progressão do problema leva à rarefação dos fios, aumento da região frontal da cabeça (popularmente denominada testa) devido ao afastamento da linha de implantação dos cabelos. Os casos mais avançados de calvície se caracterizam pela ausência de cabelos na parte superior e frontal da cabeça restando apenas cabelos nas áreas laterais e posterior.

Estão enganados aqueles que acreditam que a calvície é apenas um fator genético. Problemas relacionados a uma alimentação incorreta, ou mesmo a higiene inadequada do couro cabeludo pode causar a calvície. O aumento da oleosidade pode gerar caspa e descamação no couro cabeludo, e esses podem ser fatores que levam a queda de cabelo.

O que causa a Calvície? Não existe apenas uma causa para a calvície, ela pode ser conseqüência de um ou vários fatores. Os principais fatores que levam a calvície são herança genética que pode ser materna ou paterna, distúrbios fisiológicos e emocionais.

O uso excesso de fixadores (gel de cabelo), o uso contínuo de secadores e os banhos com água muito quente provocam o aumento da oleosidade, fator que leva à queda dos fios. Alterações no couro cabeludo, devido a tratamentos no cabelo como tingimentos, alisamentos ou permanentes, também, são causas da calvície.

A alteração dos níveis hormonais pode levar até a calvície total. Nos homens com predisposição a testosterona pode agir sobre os folículos capilares promovendo inicialmente o afinamento, posteriormente a diminuição de crescimento e por fim a queda parcial ou total dos cabelos. Nas mulheres alterações hormonais, principalmente na menopausa, podem causar rarefação.

O tratamento médico pode auxiliar a identificação das causas e soluções para a calvície. A redução da queda dos cabelos pode ser obtida se seguido corretamente as orientações do dermatologista.

 

Calvicie Tratamentos

O tratamento cirúrgico mais comum e mais conhecido para combater a calvície é o implante capilar. Atualmente, as técnicas de implante, incluindo o microimplante capilar, apresentam resultado bastante natural e harmonioso para casos selecionados. O cirurgião dermatologista retira as unidades foliculares da região da nuca e transfere, fio por fio, para a região calva.

Na região da nuca, os cabelos se apresentam em fase anágena – fase de crescimento – de melhor qualidade, por isso que dificilmente uma pessoa apresenta a alopécia androgenética nesta região. Antigamente, os implantes eram feitos por retalhos na área doadora(geralmente na nuca),do qual se retiravam partes do tecido que continham os folículos a serem usados.feito isso,esse tecido era cortado em pedaços menores,e posteriormente,colocados na área afetada pela calvície.tal método não apresentava 100% de eficácia,pois dava um aspecto de “cabelo de boneca”,devido aos “nacos de pele” implantados serem muito grandes,não respeitando o espaço natural entre os fios e o seu sentido de nascimento.

Calvicie Tratamento Queda de Cabelos
Calvicie Tratamento Queda de Cabelos

Já o tratamento clínico faz referência aos medicamentos como finasterida e minoxidil, que devem ser recomendados por um dermatologista a fim de o paciente iniciar o tratamento. Em muitos casos esse tipo de tratamento traz bons resultados, sem contar o baixo custo da compra do medicamento que se encontra também na forma manipulada.

Alguns fatores de crescimento, como o fator de crescimento insulínico (IGF), o fator de crescimento fibrosblástico básico (bFGF), e o fator de crescimento vascular (VEGF), parecem estimular os folículos capilares.

No Brasil esses fatores de crescimento já se encontram disponíveis para a manipulação de loções, e já vem na forma nanoencapsulada, o que potencializa muito a penetração na pele e duração do efeito.

Os tratamentos laser, geralmente oferecido a altos custos em clínicas capilares, se demonstraram de pouca ou nenhuma ajuda capilar, se limitando basicamente as propriedades anti-inflamatórias da luz ou laser vermelho (faixa ao redor de 650 nm).

A ação anti-inflamatória é semelhante a de um shampoo anticaspa medicinal. Alguns aparelhos que se dizem para uso capilar, e que se intitulam como laser, vendidos mercado a preços bem elevados, na verdade usam LEDs de baixa potência, e portanto insuficientes mesmo para um simples efeito anti-inflamatório.

Há evidência que apontam que o antibiótico roxitromicina teria um efeito benéfico para os cabelos quando aplicado na forma de loções tópicas. A roxitromicina tem efeito modulador da resposta imunológica.

Um pequeno estudo clínico, com cerca de 10 pacientes portadores de alopecia androgenética, demonstrou que mais da metade deles obtiveram melhoras significativas quando ao crescimento e fortalecimento de fios miniaturizados. Especula-se que a roxitromicina teria efeito inibidor, na produção de algumas citocinas que seriam prejudicial aos queratinócitos.

Existem alguns medicamentos em fase de teste, e terapias novas como a multiplicação de células capilares, e tudo leva a crer que no futuro a calvície não seria mais um problema. A questão é quanto tempo levará para que eles se concretizem e estejam disponíveis.

Atualmente o principal problema, quanto aos métodos verdadeiros e comprovados disponíveis, está no fato de que a maioria dos pacientes só procurar um médico especializado depois que a perda capilar já chegou num estágio bem incômodo, e portanto com menores chances de bons resultados.

Geralmente, as pessoas antes de procurar um bom médico acabam usando produtos vendidos na TV, ou shampoos que se intitulam anti-queda, mas que não tem efeito sobre o problema.

Quanto mais cedo for diagnosticado o problema e a prescrição de um tratamento apropriado, maiores são as chances de controle da perda capilar. Mesmo assim a resposta ao tratamento varia de pessoa para pessoa, pois cada pessoa responde de uma forma às medicações.

A finasterida, de uso oral, age sobre a 5-alfa redutase tipo 2, diminuindo sua atuação, logo, diminuindo a atuação da DHT nos fios; o minoxidil, de uso tópico, tem mecanismo de ação ainda desconhecido, mas aparentemente atua sobre as células, melhorando o fluxo sanguíneo no fio capilar.

Tanto o minoxidil quanto a finasterida são seguros para uso, estão no mercado há mais de duas décadas. Contudo, efeitos adversos podem advir de seu uso exagerado e, muitas das vezes, o resultado clínico benéfico não é o que seria esperado pelos seus usuários. Além do mais, o minoxidil pode ser usado por pessoas de ambos os sexos, mas, de preferência, entre os homens – há risco de masculinização do feto caso a mulher engravide sob a vigência de seu uso.

Estudos com células-tronco têm mostrado uma esperança para os dermatologistas e os pacientes calvos. As células-tronco são as responsáveis pela produção do fio. Diferentemente daquelas presentes no resto do corpo, elas regeneram-se por ciclos de crescimento e calmaria, respectivamente, fazendo o cabelo crescer e cair. Aparentemente, essas células-tronco vão encolhendo com o passar dos anos, deixando os fios envelhecidos e finos, até que desaparecem de vez.

Enfim, embora ainda longe de termos uma cura imediata para a calvície recentes avanços no campo da ciência têm mostrado que ela poderá vir através das células-tronco, cujos resultados promissores já começaram a surgir.

Em alguns anos, com o advento de métodos preventivos e/ou curativos da calvície baseados nessas células, o problema poderá se tornar algo do passado, talvez, representando uma marca evolutiva da espécie humana.

 

Queda de Cabelos Causas

Conheça abaixo as principais causas da queda de cabelos e calvicie:

  1. Dietas rígidas
  2. Alteração hormonal
  3. Secador e chapinha
  4. Anemia
  5. Penteados
  6. Doenças virais e bacterianas
  7. Banho quente
  8. Stress
  9. Falta de vitaminas do complexo B
  10. Hereditariedade
  11. Antidepressivos
  12. Pós-parto
  13. Envelhecimento
  14. Tabagismo
  15. Produtos químicos
  16. Doença autoimune

Conheça também a Linha Crece Pelo

 

Queda de Cabelos Dicas

A queda de cabelo pode ter inúmeras causas e aqui estão dicas fáceis para tratar e evitar a queda de cabelos. São elas:

  • Lavar os cabelos pelo menos 2 vezes por semana. Não é necessário lavar todos os dias, à menos, que você tenha os cabelos muito oleosos. O ideal é lavar sempre que os cabelos estiverem sujos, e este tempo pode variar de pessoa para pessoa;

 

  • Enxaguar muito bem os cabelos retirando todo o shampoo e o condicionador. Este cuidado evita a oleosidade da raiz, evitando a queda de cabelo;(queda de cabelo)

 

  • Desembaraçar os cabelos ainda no banho quando passar o creme ou condicionador, começando o processo pelas pontas, deixando a raiz por último;

 

  • Só prender os cabelos quando eles estiverem bem secos, pois ao prender os cabelos ainda molhados ou úmidos, a raiz pode sofrer danos, favorecendo a queda.(queda de cabelo)
queda-de-cabelo-007
queda de cabelo

De acordo com a dermatologista existem várias causas da queda de cabelos.

Algumas são apenas temporárias e sazonais, não precisando de muitas preocupações.

Outras podem estar relacionadas a alterações orgânicas e/ou fisiológicas, como alimentação inadequada, anemia, febre, gravidez e pós-parto, alterações hormonais, doenças metabólicas, inflamatórias e infecciosas e estresse emocional.

Você sabia que a maioria das pessoas perde de 50-100 fios de cabelo por dia. Nos dias em que o cabelo é lavado, uma pessoa pode perder até 250 fios.

Mais atenção é muito importante que não se evite lavar a cabeça em uma tentativa de evitar a queda do cabelo, pois ele vai cair eventualmente você lavando ou não a cabeça.

Qualquer queda de cabelo repentina pode ser um sintoma de um distúrbio sério de saúde.

Consulte o seu médico isso pode evitar que o problema se agrave.

 

Queda de Cabelos – Remédios Naturais

  • A ação Antioxidante do Chá verde ajuda no crescimento dos fios:

Aplique o chá verde morno em seu couro cabeludo e deixar esta mistura por uma hora e depois enxaguar. O chá verde contém antioxidantes que impedem a perda de cabelo e estimular o crescimento dos fios naturalmente.

  • Sucos naturais limpam couro cabeludo:

Você pode esfregar o couro cabeludo com um suco de alho, suco de cebola ou suco de gengibre. Deixá-lo ligado durante a noite e lave-o bem de manhã.(queda de cabelo)

  • Para ajudar a evitar queda de cabelo:

Beber chá de urtiga e também usar o chá como um enxague final em seu cabelo. Usado tradicionalmente como um tônico capilar, folhas de urtigas estão disponíveis em lojas de alimentos saudáveis.

  • Para ajudar a evitar queda de cabelo:

Beber chá de urtiga e também usar o chá como um enxague final em seu cabelo. Usado tradicionalmente como um tônico capilar, folhas de urtigas estão disponíveis em lojas de alimentos saudáveis.

Evite usar em excesso perucas ou apliques. Embora estas possam parecer boas soluções cosméticas, eles também podem acelerar a perda de cabelo por danificar seus folículos pilosos.

 

CALVICIE / CALVICE

A calvicie masculina é um dos casos mais sensíveis para os homens em geral, não existe nenhum homem não tenha pensado no assunto A alopecia (enfraquecimento e queda do cabelo devido às hormonas masculinas) é a causa mais comum da calvície masculina.

CALVICIE-005
CALVICIE

A calvicie é um mal que poucas vezes pode ser evitado pelos homens, já que o fator genético é primordial quando o assunto é queda de cabelos.

Mas, se você enfrenta este aborrecimento, saiba que a calvície pode, sim, ser disfarçada de algumas maneiras, dependendo do seu grau de insatisfação e poder aquisitivo.

Calvicie Cuidados Básicos

Primeiro você tem que ter em mente que o cabelo, assim como qualquer outra parte do nosso corpo, requer cuidado mínimo determinado, o que, se não tratadas, as conseqüências não vai ter tempo para se manifestar.

Por isso, é essencial para obter o cabelo regularmente lavagem, lavagem, condicionamento e secagem necessário para qualquer outra escolha a não ser parar apliques sua queda não seja em vão.

 

Calvicie – Por que as pessoas perdem os cabelos?

Essa disfunção ocorre por conta do hormônio masculino testosterona, produzido desde a adolescência e que estimula os folículos pilosos.

A ação do hormônio nos folículos pilosos dos homens com predisposição genética, sofre a influência de uma enzima e passa a promover a diminuição progressiva dos folículos e os fios vão se tornando menores e mais ralos, resultando no rareamento dos cabelos, a princípio na parte superior e frontal da cabeça.

Antes de mais, deverá consultar um dermatologista para avaliar o seu tipo de queda de cabelo, pois poderá estar a acontecer devido a inúmeros factores como o stress, genética ou a outro problema qualquer.

A queda de cabelo pode ocorrer devido às hormonas masculinas andróginas se encontrarem desreguladas, corrigir este problema poderá impedir a queda do cabelo.

É extremamente importante determinar qual a causa que origina a queda de cabelo para determinar o tratamento adequado.

Calvicie Tratamentos

Os tratamentos contra a calvicie, objetivam retardar ou interromper o processo de queda dos cabelos para homens com propensão genética.

Calvicie Calvice Tratamento
Calvicie Calvice Tratamento

Podem contar com aplicação de medicamentos na cabeça, como o minoxidil ou por medicamentos via oral, como a finasterida ou dutasterida.

A finasterida tem ótimo efeito e pode, inclusive reverter o processo, quando os fios já estão finos e raros.

 

Calvice – Massagem

Faça uma boa massagem no couro cabeludo diariamente, gerando folículos para estimular e promover a circulação para as células que fazer o cabelo crescer.

Se possível, é mais benéfico realizar duas massagens por dia e depois de cada massagem lave seus cabelos com shampoo.

  • Cálcio

Uma dieta rica em cálcio não só proporciona bons resultados para seus dentes e ossos. A abundância de cálcio faz com que as raizes capilares cresçam mais fortes, o que evita a queda dos cabelos.

 

  • Remédios caseiros

Além de cuidados básicos e massagens diárias você pode usar alguns produtos como loções ou cremes caseiros que dão vida e brilho aos seus cabelos, aplique esses remédios realizando uma massagem em seu couro cabeludo.

 

  • Gema

Você pode bater levemente uma gema de ovo e aplicá-lo uniformemente em sua cabeça e ao longo do cabelo e espere 20 minutos. Então você lave com água fria para remover todos os vestígeos da gema do seu cabelo.

 

  • Azeite de oliva

O azeite de oliva é muito eficaz para hidratar a pele e os cabelos, além disso, esse azeite ajuda também a eliminar e prevenir a caspa, evita a queda de cabelo e promove o seu crescimento. Por isso é uma ótima opção.

 

  • BEBA

PEPINO: rico em silício e enxofre, quando associado ao suco de alface, espinafre e cenoura, promove o crescimento dos cabelos. Beba 2 copos ao dia;

 

 

Queda de Cabelo Calvicie como Tratar?

A melhor forma para Reverter a Queda de Cabelo e a Calvície em menos de 27 Dias, Naturalmente e Sem Efeito Colaterais é Clicando e conhecendo a descoberta deste Médico Abaixo:

Conheça este Método para CRESCIMENTO DE CABELO CIENTIFICAMENTE COMPROVADO! Assista ao Vídeo Até o Final CLICANDO AQUI e Se Inscreva Nas 34 Vagas Restantes